Polícia investiga abuso sexual contra menina de 14 anos em presídio no Pará

brasil-contra-a-pedofilia22

Um caso de abuso sexual de uma menor de idade dentro de uma colônia penal no município de Santa Izabel do Pará (PA) é investigado pela Polícia Civil do estado.

Segundo a polícia, a adolescente de 14 anos procurou pela Polícia Militar na madrugada deste sábado (17) e denunciou que havia sofrido abuso sexual por vários detentos da Colônia Agrícola Heleno Fragoso, na zona rural do município, e que abriga 350 homens. Em depoimento, ela teria dito ainda que outras três menores também estariam envolvidas neste caso.

“Ela procurou a PM dizendo que havia sofrido abuso de vários detentos no presídio, mas que tinha conseguido fugir. A adolescente foi encaminhada ao Conselho Tutelar de Santa Izabel do Pará e depois para Belém, onde foi ouvida”, disse o delegado Fabiano Amazonas, da Divisão de Atendimento ao Adolescente.

Em depoimento, a menor contou que vive em Belém e foi levada para Santa Izabel do Pará por meio de uma aliciadora. “Estamos investigando quem é esta mulher. O caso corre em segredo de Justiça, pois queremos identificar todo o processo que envolve este crime: quem levou, quem abusou e quem permitiu que a menor entrasse no presídio”, disse o delegado responsável pelo caso.

A adolescente passou por exames de corpo de delito para constatar se houve o ato sexual. O resultado será divulgado nesta semana. Enquanto isso, ela permanece em um abrigo em Belém, mantido pelo Conselho Tutelar.

Exoneração

De acordo com major Francisco Mota Bernardes, superintendente do Sistema Penitenciário do Estado do Pará (Susipe), 20 funcionários da unidade prisional que estavam no local entre a noite de sexta-feira e a manhã de sábado, além do diretor da Colônia, foram exonerados a pedido do governador, Simão Jatene (PSDB).

“Todos que estavam de plantão naqueles dias foram exonerados ainda no sábado. A publicação no Diário Oficial ocorrerá nesta segunda-feira (19)”, disse o major.

Ainda segundo Bernardes, assim que a Susipe receber a investigação formal do crime dentro de uma unidade prisional do estado, a Superintendência vai instaurar processo administrativo para verificar como a menor de idade conseguiu entrar no local. “Vamos apurar a informação de que haveria outras menores em outras ocasiões”, complementa.

fonte: g1


Tags: , , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email

Comentários

  • luana disse:

    coitada da menininha e se ela fosse só uma criança isso é um absurdo os pais deve tar chocados com a adolescente e nem é adolescente é como se fosse só uma criança perdida,esses caras do inferno tem q irr pra cadeia coitadinha da garotinha :( predem todos eles

  • andre disse:

    é mesmo ela podia ser só uma criança inocente ainda bem q ela ta viva hoje em dia os homens sao muito mals só pensem em fazer isso com as crianças de 10 á 16 coitada dessas crianças

  • rodrigo disse:

    MEU DEUS OS PAIS DEVEM TA COM VERGONHA PORQUE A MENININHA SOFREU ISSO CONSERTEZA :( OS PAIS TAO CHOCADOS PQ ELA TINHA Q SER OBRIGADA A FAZER SEXO COM ESSES OTARIOS Q SAO DO INFERNO NAO TEM O Q FAZER COM UMA CRIANÇA

  • andre disse:

    HOJE EM DIA AS CRIANÇAS COMO ESSA GAROTINHA DE 14 ANOS SOFREM MUITO POR CAUSA DESSES PESSOASL Q FAZER SEXO E TEM DROGAS >:( AAA

  • laila disse:

    Q ISSO ELA É SÓ UMA CRIANÇAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA,CRIANÇA,CRIANÇAAAAAAAAAAAA :O

Trackbacks

N�o existem trackbacks