Explosão em Santo André mata 11 pessoas

explosao-santo-andre

Pelo menos 11 pessoas morreram na explosão de um depósito de fogos de artifício no início da tarde desta quinta-feira (24) em Santo André, no ABC, de acordo com o capitão Miguel Jodas, da assessoria de comunicação do Corpo de Bombeiros. Ainda segundo a corporação, há dezenas de feridos. Não há informações sobre o estado de saúde das vítimas e quantas são exatamente.

Quinze equipes do resgate dos bombeiros da capital paulista auxiliam nas buscas de vítimas sob os escombros com ajuda de cães farejadores. Segundo a assessoria de imprensa da corporação, há cerca de 170 bombeiros trabalhando no local.

Os bombeiros foram acionados às 12h39 para atender a ocorrência, na Rua Américo Guazelli. As equipes de resgate informaram que, além do depósito, carros foram destruídos e imóveis vizinhos foram afetados. Quatro quarteirões tiveram de ser interditados.

O quarteirão inteiro onde houve a explosão foi isolado, assim como as ruas do entorno. O trabalho dos bombeiros consiste em procurar possíveis novas vítimas e acabar com o incêndio. Segundo os bombeiros há muita fumaça no local, que fica próximo ao Estádio Bruno José Daniel.

A prefeitura de Santo André informou que equipes da Defesa Civil da cidade seguiam para o local às 13h15. Nesse horário, pelo menos quatro vítimas da explosão tinham chegado ao Centro Hospitalar de Santo André. As vítimas levadas para o local apresentavam ferimentos leves.

A rua onde aconteceu a explosão foi coberta de terra, entulho e fios retorcidos. Os bombeiros e a Defesa Civil usavam uma retroescavadeira para tirar entulhos da frente do local. Apenas as equipes de socorro e da Defesa Civil ficaram na área mais próxima. As outras pessoas foram retiradas e o local isolado.

fonte: g1


Tags: , , , , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email